Aprenda a fazer xarope e chá de Guaco contra bronquite e tosse

Já pensou em um remédio que pudesse ser feito dentro de sua própria casa? Com o guaco isso é possível! Isso porque suas incríveis propriedades medicinais são extremamente úteis, tanto para prevenir, quanto para remediar doenças.

Benefícios e para que serve
Por ser uma planta medicinal, ele possui uma série de benefícios que são muito úteis para manter e cultivar uma boa saúde, trazendo diversas vantagens para o seu bem-estar no dia a dia.

anúncios

Ajuda a emagrecer
Seu chá ajuda a emagrecer, pois auxilia no estímulo à transpiração. Isso colabora com a eliminação do excesso de líquido do corpo, que traz o tão temido inchaço.

Ele desempenha um papel diurético, eliminando os líquidos que ficam acumulados no organismo.

Auxilia no combate à bronquite
A bronquite é uma doença caracterizada pela inflamação das passagens de ar para os pulmões, denominadas de brônquios. Resumindo, a bronquite é caracterizada pela inflamação nos brônquios.

anúncios

O guaco, por possuir substâncias broncodilatadoras que trabalham no relaxamento do músculo bronquial e aumentam a passagem de ar pelos brônquios, é muito importante para o combate a esse problema.

Protege o trato respiratório
Por conta de suas propriedades expectorantes e supressoras da tosse, ele também pode auxiliar no tratamento de diversos problemas respiratórios, como a pleurisia, doença que é caracterizada pela inflamação no revestimento dos pulmões.

Trata feridas
Devido a suas propriedades anti-inflamatórias, suas folhas podem ser utilizadas para o tratamento externo de feridas, impedindo que ocorra infecções graves e inflamações.

Links patrocinados

De qualquer modo, sempre é bom consultar um dermatologista antes de aplicar esse tipo de solução, para evitar quaisquer erros de aplicação do produto.

anúncios

Auxilia em casos de picadas de cobras
Durante muito tempo os índios usam cataplasmas dessa folha para tratar picadas de cobras, estancando a ferida. Porém, a prioridade máxima é que em casos de picadas de cobras você vá ao posto de saúde mais próximo para tomar o soro.

Como usar guaco
A planta pode ser usada de diversas maneiras, possuindo diferentes vantagens dependendo do modo que seja usado. Confira os diferentes modos de usar essa planta medicinal para ajudar a boa manutenção de sua saúde.

Chá
Esse chá é muito saudável, sendo um excelente remédio para problemas respiratórios. Ele também pode ser usado em compressas diárias, para aliviar sintomas do reumatismo.

Links patrocinados

Ingredientes

Folha de guaco: 2 unidades;
Água: ½ litro.

Modo de preparo

Em uma panela, junte as folhas, mergulhe-as na água e deixe ferver;
Desligue o fogo e o mantenha abafado, até esfriar, antes de consumir.
Xarope

Ingredientes

Açúcar: 1 xícara (chá);
Mel: 1 xícara (chá);
Água: 1 litro;
Folha de guaco: 9 unidades.

Modo de preparo

Em uma panela, caramelize o açúcar;
Depois, acrescente a água e as folhas;
Misture bem e tampe a panela, deixando ferver por 20 minutos;
Desligue o fogo e deixe esfriar;
Coe a mistura e acrescente o mel, misturando até que fique homogêneo.
O ideal é tomar 1 ou 2 colheres diariamente, antes de dormir.

Veja também: Para que serve o xarope de guaco?

Contraindicações e efeitos secundários
Embora seja bastante saudável e traga diversos benefícios para o organismo, essa planta não pode ser consumido por alguns grupos de pessoas. Confira abaixo quem não pode ingerir essa planta:

Pessoas que possuem doenças no fígado;
Hipertensos;
Indivíduos que utilizam medicamentos anticoagulantes;
Gestantes;
Crianças com menos de um ano de idade;
Pessoas com problemas de coagulação;
Pessoas com alergia à cumarina.
Esse chá pode produzir efeitos colaterais também em pessoas que não possuem nenhuma dessas doenças, se consumido em excesso. Esses efeitos são:

Hemorragia;
Elevação da frequência dos batimentos cardíacos;
Vômitos;
Hipertensão;
Diarreia.
Vale lembrar que é importante consultar um médico antes de ingeri-lo, para averiguar se haverá uma relação benéfica ou prejudicial dessa erva medicinal com o organismo.

Como plantar
Para plantá-lo é necessário que se possua uma muda, que deve ser colocada em um vaso pequeno com solo arenoso e rico em matéria orgânica. Depois é importante que se umedeça a terra com água, até ela ficar bem irrigada.

Depois de alguns dias, quando a planta criar raízes, transplante-a para um vaso maior, trocando o tipo de solo para um solo menos arenoso e adicionando adubo.

Pretende começar a usar guaco em sua casa? Comente abaixo!