Chá de pata-de-vaca: previne o diabetes, retenção de líquido e problemas urinários

Esta infusão irá ajudar a estimular a produção de insulina, prevenir a prisão de ventre, problemas no fígado e desconforto no estômago.

Muitas pessoas, ao invés de usar medicamentos, optam pelo uso de remédios naturais para auxiliar no tratamento de alguma doença.

 

Existem diversas ervas, plantas medicinais e especiarias que acrescentam vários benefícios para o nosso organismo.

 

Uma delas é a pata-de-vaca, conhecida também como unha-de-vaca, mão-de-vaca ou unha-de-boi.

 

Ela possui vários compostos fitoquímicos que são os responsáveis por suas propriedades medicinais

Dentre eles, citamos:

 

Ácidos graxos;

Astragalina;

Beta-sitosterol;

Flavonóides;

Glicosídeos;

Guanidina;

Kaempferitrina;

Quercetina;

Ramnose;

Saponinas.

Também é rica em sais minerais, propriedades antioxidantes, diuréticas, laxantes, analgésicas e hipoglicemiantes.

 

Por isso, o consumo do chá, cápsula ou tintura de pata-de-vaca traz vários benefícios para a saúde, sendo os principais:

 

Previne diabetes

A folha de pata-de-vaca contém kaempferol e quercetina, dois compostos que agem no metabolismo dos carboidratos.

 

Dessa forma, a infusão da planta ajuda a melhorar o uso da glicose pelas células, evitando, assim, o acúmulo de açúcar no sangue.

 

Além disso, segundo estudo da Universidade Estadual de Mato Grosso, os antioxidantes da planta diminuem os níveis de gordura e glicose no sangue.

 

 

 

No entanto, apesar de conter esses benefícios seu consumo não deve ser por conta própria, por isso, consulte um médico antes.

 

Já um estudo da Universidade do Amazonas afirma que a planta é conhecida como insulina vegetal e tem a fama de ser eficaz no tratamento do diabetes.

 

Reduz os níveis de colesterol

A pata-de-vaca ajuda a reduzir os níveis colesterol ruim (LDL) e triglicerídeos, responsáveis por formar placas de gordura nas artérias.

 

Com isso, o consumo da planta diminui os riscos de desenvolver doenças cardiovasculares como aterosclerose, infarto ou derrame cerebral.

 

Previne doenças hepáticas (no fígado)

Devido aos compostos antioxidantes, o chá de pata-de-vaca previne o estresse oxidativo das células, prevenindo doenças no fígado.

 

Reduz o risco de infecção urinária

A pata-de-vaca possui ação diurética e, por isso, ajuda a prevenir a retenção de líquido e a infecção urinária.

 

Além disso, de acordo com um estudo da Universidade Federal de Juiz de Fora, a planta também elimina toxinas do organismo pois contém polifenóis que atuam como detox.

 

Auxilia na perda de peso

Por causa da ação diurética e por prevenir a retenção de líquidos, o chá de pata-de-vaca também contribui para o emagrecimento.

 

No entanto, é necessário aliar a bebida a uma dieta balanceada e prática de atividades físicas.

 

Tratamento da acne

Segundo estudo da Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas), a pata-de-vaca possui propriedades bactericidas e, por isso, ajuda a eliminar cravos e espinhas.

 

Além do mais, por conter antioxidantes, auxilia no combate aos radicaislivres que danificam as células, prevenindo o envelhecimento precoce.

 

Benefícios extras

Além dos benefícios citados acima, de acordo com o conhecimento popular, a pata de vaca possui outras vantagens para a saúde.

 

No entanto, essas ainda não foram comprovadas cientificamente, por isso, converse com seu médico antes de iniciar qualquer tratamento.

 

São elas:

 

Reduz a pressão arterial sanguínea;

Tem ação anticoagulante, evitando trombose;

Previne e trata anemia;

Estimula a produção de leite materno.

Chá de pata-de-vaca

Essa infusão irá ajudar a estimular a produção de insulina, prevenir a prisão de ventre, problemas no fígado e desconforto no estômago.

 

Ingredientes:

1 colher (sobremesa) de folhas de pata-de-vaca picadas – secas ou frescas

 

1 xícara de água fervente

 

Observação: você encontra a pata de vaca em lojas de produtos naturais, ervanárias e/ou farmácias de manipulação.

Modo de preparo e consumo:

Adicione as folhas de pata-de-vaca na água fervente, tampe e deixe em infusão por dez minutos.

 

Coe e tome morno – uma xícara duas a três vezes ao dia, de preferência após a refeição.

 

Caso opte pelas cápsulas de pata de vaca de 250 mg, recomenda-se uma vez ao dia.

 

Já a tintura, 30 a 40 gotas, três vezes ao dia, sob orientação médica.

 

Contraindicações

Apesar de possuir vários benefícios para a saúde, a pata-de-vaca precisa ser consumida com cautela.

 

O consumo em excesso, seja do chá, cápsula ou tintura, pode causar diarreia, dores abdominais e hipoglicemia.

 

Além disso, os grupos que serão descritos abaixo também devem ficar atentos.

 

São eles:

 

Alérgicos à planta;

Gestantes, lactantes e crianças;

Pessoas que estejam tomando remédios anticoagulantes, anti-inflamatórios e para o controle de enfermidades autoimunes.

Portanto, caso tenha qualquer reação adversa após o consumo da pata-de-vaca, procure um médico imediatamente

Comments

comments

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta