9 sinais de que você está prestes a ter um AVC/Derrame Cerebral e precisa de ajuda médica com urgência

Popularmente conhecido como derrame, o acidente vascular cerebral (AVC) tira a vida de mais de 80 mil brasileiros por ano. A nível mundial, a estimativa é de que 6 pessoas morram de AVC a cada 6 segundos, segundo dados da OMS – Organização Mundial de Saúde.

Há 2 tipos de AVC, o AVC isquêmico, quando há o entupimento dos vasos sanguíneos que irrigam o cérebro, e o AVC hemorrágico, quando um desses vasos se rompe. No primeiro caso, a obstrução de uma artéria cerebral causa a interrupção do fluxo de sangue com danos à área por ela irrigada. No segundo, quando a artéria se rompe, o sangue extravasa no cérebro. O AVC isquêmico representa 85% dos casos, enquanto o AVC hemorrágico, 15%.

A rapidez em identificar, diagnosticar e tratar os sintomas é fundamental, pois reduz o risco de morte ou de sequelas que podem impactar profundamente a vida do paciente. Portanto, ao menor sinal de AVC, só existe um caminho a seguir: o do pronto-socorro.

Os sinais e sintomas de um AVC surgem repentinamente. Mas como saber se você está sofrendo um derrame?

Os principais sintomas de alerta são:

  • Perda súbita da força – fraqueza nos braços e pernas
  • Formigamento no rosto, braços ou pernas de um lado do corpo
  • Dificuldade repentina de falar ou compreender o que se fala
  • Boca torta
  • Alteração da fala
  • Perda visual, principalmente quando afeta só um dos lados
  • Dor de cabeça intensa e súbita (mais comum no AVC hemorrágico)
  • Tontura ou desequilíbrio súbitos
  • Descoordenação e dificuldade de locomoção

Os sinais de AVC costumam ser bastante característicos, mas, na dúvida, procure ajuda médica.

Como perceber se outra pessoa está tendo um AVC?

Aplique a escala Serviço e Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) com as iniciais das quatro palavras que ajudam a salvar vidas

Sorriso

Peça para a pessoa sorrir. Se a boca dela entortar, é capaz que ela esteja sofrendo um AVC

Abraço

Peça para a pessoa abraçar você ou levantar os braços como se fosse dar um abraço. Se a pessoa não conseguir levantar um dos braços ou um deles cair depois que levantou, pode ser sinal de AVC.

Mensagem

Peça para a pessoa repetir uma mensagem – uma simples frase, como, por exemplo, “o dia está bonito e o céu é azul”. Se a pessoa não conseguir compreender ou repetir a mensagem, é capaz que esteja tendo um AVC.

Urgente

Se um ou mais desses sinais forem identificados por você, chame uma ambulância URGENTEMENTE ou conduza essa pessoa a a um pronto atendimento especializado.

É possível prevenir o AVC?

Sim, pois um estudo realizado com mais de 30 mil pacientes no mundo inteiro constatou que o acidente vascular cerebral não tem nada de “acidente”. Segundo os especialistas, 92% dos AVCs estão associados a 10 fatores de risco, que podem ser evitados ou controlados

  • Hipertensão (pressão alta)
  • Sedentarismo
  • Obesidade
  • Tabagismo
  • Má alimentação
  • Colesterol elevado
  • Consumo em excesso de bebidas alcoólicas
  • Depressão/estresse
  • Diabetes
  • Doenças do coração, principalmente as arritmias, que podem ser tratadas

Esse artigo foi útil para você? Partilhe com seus amigos e familiares e ajude a salvar vidas

Comments

comments

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta