Filha de zelador, humilhada na infância por ser pobre, Eliana deu a volta por cima e hoje é famosa e milionária

A apresentadora Eliana Michaelichen relembrou a sua infância numa entrevista que deu ao programa Jornada Astral, da HBO Max, de sua amiga Angélica, onde falou como sofreu quando criança por causa de sua posição social.

Por ser filha de zelador, a loira das tardes de domingo do SBT afirmou que sofreu muito preconceito na infância. Ela contou que, por ser muito pobre, crianças nem adultos se aproximavam dela.

Eliana contou que parte de sua infância foi passada em um prédio onde o seu pai era o zelador e onde os moradores tinham condições financeiras muito melhores que a dela. Por causa dessa situação, ela foi muito humilhada.

“O preconceito que enfrentei foi demais. Tinha gente que falava: ‘Não quero ver minha filha brincando com a filha do zelador. Não quero ver a filha do zelador dentro da minha casa”, contou a apresentadora na entrevista que deu à Angélica.

Eliana contou que, quando tinha seis anos de idade, escutou isso pela primeira vez e foi contar o que tinha acontecido à sua mãe, que lhe explicou que o problema não era com ela.

“Minha mãe disse para eu relevar, porque não era algo que tinha a ver comigo, mas com a falta de compreensão dessa pessoa. Minha mãe sempre me disse que eu tinha que me orgulhar por ser uma menina muito especial”, desabafou.

Eliana revelou ainda qual era o maior medo que tinha na infância: o pai perder o emprego e ficar sem casa para morar. “Quando comecei a trabalhar e a ganhar o meu dinheiro, a minha primeira preocupação era comprar uma casa”, revelou.

Para sua alegria, o sonho da casa própria se realizou quando ainda era adolescente: “Consegui [comprar a casa]aos 15 anos”, contou.

Rica e famosa: Eliana deu a volta por cima

Eliana apareceu pela primeira vez na TV no início da década de 1980. A partir daí, a carreira da loira decolou e ela conquistou uma legião de fãs na década de 90 quando fez parte da banda Banana Split.

A seguir, Eliana começou a participar eventualmente do quadro “Qual é a Música?”, no programa Sílvio Santos, até que foi convidada pelo patrão para apresentar um programa infantil no SBT, intitulado Festolândia, quando tinha 18 anos de idade.

No ano de 1993, Eliana apresentou o programa infantil Bom Dia & Cia, tendo lançado seu primeiro álbum de estúdio Os Dedinhos, que vendeu mais de 300 mil cópias.

Em 1998, a loira assinou contrato com a RecordTV, tendo regressado ao SBT em 2009, onde permanece até hoje.

A fortuna da ex-menina pobre é estimada hoje em 145 milhões de reais. Nada mal para uma filha de zelador.

Comments

comments

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: